ESCREVENDO O QUE JÁ OUVI

Certo dia entrei no bar para tomar um café com meu amigo Sarkis e encontrei dona Elena jogando numa máquina caça níquel.

Dona Elena estava perdendo quando parou de jogar e ela me disse:

-Gastei a minha cota de hoje, chega.

Eu a elogiei por saber parar na hora certa, e ela disse:

-Algumas pessoas não sabem parar de jogar, perdem todo dinheiro que tem.

Eu confirmei entusiasmado:

-São loucos, perdem casa, família, perdem tudo.

Ela olhou profundo para mim, bateu com a mão nas minhas costas e disse:

-Não se esqueça que quem não joga também é louco.

Eu não jogo, sou o outro extremo da curva. Fiquei quietinho com a minha loucura.

:)                   😉

BALADA PARA UM LOUCO

ASTOR PIAZZOLLA e AMELITA BALTAR

About crscalderon

São Paulo - Brasil
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s